Tarô politicamente incorreto

Teoricamente, o tarô é um oráculo pessoal. Mas depois da sua consulta, bate aquela curiosidade: quem vai ganhar as eleições?

Em setembro de 2014, quando Dilma Rousseff concorria para seu segundo mandato presidencial, uma cliente pediu para ver se ela ganharia as eleições. Fiquei meio sem graça, disse que nunca tinha usado o tarô para este tipo de pergunta, mas ela insistiu e abri o jogo. Mostrava que Dilma estava perdendo feio, mas que, bem no finalzinho, dava uma reviravolta e ganhava. Dito e feito. Dilma foi eleita presidente.medieval-scapini-deck-the-empress

Em outubro de 2016, outra cliente, em Nova Iorque, depois de sua consulta (sim, tarô funciona por Skype!), preocupada com as eleições americanas, pediu para ver se a Hillary seria eleita. Ela, uma democrata de carteirinha, ficou super feliz quando a resposta foi um belo SIM. Resolveu cutucar o tarô ainda mais, e pediu: “Agora checa o Trump.”

O resultado foi super positivo, e eu, confusa, jamais imaginando que realmente os dois poderiam ganhar as eleições, tentei interpretar o que para mim era um certo absurdo “Está muito bom para o Trump também. Só consigo imaginar que, como ele trabalha com entretenimento e reality shows, vai tirar alguma vantagem da corrida presidencial e se promover, ganhar um bom dinheiro, sei lá…”

E o que aprendemos com estas duas situações?

Primeiro, quanto aos EUA, o erro foi a falta de precisão da pergunta, que deveria ter sido: “A Hillary será a próxima presidente?”, ou: “O Trump será o próximo presidente?”. Desta forma, mesmo com a Hillary ganhando o voto popular e o Trump ganhando pelo Colégio Eleitoral, o tarô poderia dar a resposta certa. Perguntas abertas levam a respostas imprecisas.

Mas, e no caso da Dilma, que a pergunta foi precisa?

Nem sempre saber o futuro próximo significa ter a chave de todo futuro. Dilma foi reeleita no final de Outubro de 2014, mas, em um pouco mais de um ano e meio, no final de Agosto de 2016, o Senado aprovou seu impeachment.

medieval-scapini-deck-the-emperorResumindo: não adianta querer ter a chave de tudo. O tarô dá uma luz. Mas quando o futuro é oculto e você não tem permissão para saber o que realmente vai acontecer, não importa a resposta, pois num instante tudo pode mudar.

E então você insiste: o que vai acontecer com esse governo do Trump?

O futuro a Deus pertence!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s